28/02/2014

Maratona de Sevilha - Report by fotógrafa Fiona

Acalmem-se, leitores deste canto blogosférico, mas não foi desta que me estreei na mítica distância da maratona. Ainda... Mas para os leitores mais atentos destes bloggers que, para além de se dedicarem à corrida, também gostam de escrever qualquer coisa, muitos serão de certeza os belos relatos que poderão encontrar sobre esta belíssima prova por essa blogosfera fora.

Apesar de não ter participado na prova, também eu tenho o meu report a fazer sobre a maratona de Sevilha, realizada nesta cidade espanhola no passado domingo, dia 23 de Fevereiro. Este trata-se de um report de estreia já que nunca tinha estado do lado de fora de uma prova, a acompanhá-la de forma tão intensa por detrás de uma objectiva. É, sem dúvida, uma abordagem totalmente diferente do que é uma prova de corrida mas que é também bastante interessante de se fazer, principalmente quando nos cruzamos com caras que já conhecemos de outras andanças e podemos gritar bem alto as nossas palavras de apoio. Isto aconteceu comigo, quase na entrada para o Estádio Olímpico de Sevilha, ao avistar as camisolas amarelas dos 4 ao km, nas pessoas da Isa e do Vítor. Vocês nem imaginam os pulos que dei quando os vi lá ao longe... E as caras de completamente espantados por terem uma louca que eles não conheciam a gritar por eles "Força! Força!". Mas a corrida é mesmo assim e estamos lá para apoiar!

Agora o report desta prova... Eu acompanhei os últimos cerca de 5 km de prova, a partir do km 38 da prova, a partir de um dos últimos pontos de abastecimentos disponíveis para os corredores. E logo aqui vi a forma bastante empenhada como esta prova é vivida pelos naturais de Sevilha e pelos voluntários da prova. Nem imaginam os gritos que se ouviam de todos a gritar "Animo! Animo!" enquanto disponibilizavam mais um pouco de hidratação aos corredores. Muitas eram as palmas que eram ouvidas e havia apoiantes de todas as idades, desde crianças bem pequenas até sábios sevilhanos. Estive algum tempo neste ponto a tirar fotografias e a dar o meu apoio a quem passava, em particular aos muitos portugueses que tiveram a oportunidade de participar na maratona mais plana da Europa!

Continuei o meu caminho em direcção ao Estádio Olímpico, sempre lado a lado com os corredores. Vi vários desistirem, infelizmente. Vi vários pararem por diversas vezes para fazerem alongamentos. Mas vi também que a solidariedade entre corredores estava mais do que presente e muitos eram aqueles que afracavam a sua passada no sentido de proporcionarem algumas palavras de conforto aos que se sentiam mais em baixo, sempre com as palavras "Não desistas!" na ponta da língua. É muito bonito ver este tipo de incentivo entre totais desconhecidos. É muito bom ver toda esta solidariedade entre diversas nacionalidades que estão num local com o mesmo objectivo: cortar a meta de uma maratona!

Se muitos eram os corredores em prova, muitos eram também os espectadores da prova que iam aparecendo nos passeios sempre a aplaudir. Muitos eram também os condutores que apitavam à passagem da prova mas para incentivarem. Não como muitas vezes se vê por cá em que nos mandam ir trabalhar...

Nestes últimos quilómetros de provas (bem como no tempo que antecedeu o início da mesma), muitas foram as camisolas portuguesas com que tive a oportunidade de me cruzar: Pernas de Gafanhoto (sei que estes andaram por lá mas, infelizmente, não me cruzei com eles), Correr na Cidade Crew, GFD Running, 4 ao km, O mundo da corrida, Tartarugas Solidárias, Millenium BCP, BES, SSCGD, Run4Fun e outros que, sei que eram portugueses, mas que não consegui decorar o nome das respectivas equipas/grupos.

Foi uma experiência muito especial esta de estar do lado de fora a fotografar e a apoiar. E tenho para mim que não será a última pois tenciono repetir esta forma diferente de participar no mundo da corrida de que tanto gostamos.

Para os mais curiosos, podem espreitar a galeria de fotos desta prova na página do blog no Facebook!


Bons treinos e boas corridas!

Fiona

14 comentários:

  1. Excelente report! Para o ano vai ser na perspectiva de corredora? :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vamos ver, Pedro... Vamos ver ;) Beijinhos

      Eliminar
  2. Deve ter sido realmente uma experiência diferente e arrepiante. Pois se existe povo caloroso esse é o Espanhol pelo que tenho ouvido dizer. O apoio de inicio ao fim é certo, o que aqui temos falta disso. Infelizmente em Portugal as pessoas reagem a uma prova em estrada com um "o que será aquilo? a correr a um domingo de manhã'? são doidos!" e viram costas... ou então ficam a ver com cara de espantados.
    Enfim... espero que isso mude um dia pois era muito bom termos um povo também ele caloroso, não custa nada torcer por aquele que tem objectivos, sejam eles quais forem.

    Agora uma coisa..... para quando irás estar do lado dos corredores na mítica distância?!?! eheheehehe :D

    Beijinhos grandeS*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O desejo de correr a mítica distância está mesmo por cá, Piolha... Vamos ver quando se realiza ;) Beijinhos

      Eliminar
  3. Nós ficámos foi todos contentes quando ouvimos alguém a torcer por nós :) Muito obrigada.
    Não te estava a reconhecer porque estavas "à paisana" e ainda por cima em Espanha!

    Um dia destes tens é de correr uma maratona. É espectacular! Vais adorar!

    Beijinho grande

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vocês devem é ter pensado... "Quem é esta malcuca?" ;)

      Mas gostei muito de vos ter podido fotografar e ver entrar juntos naquele estádio. Parabéns :) Beijinhos

      Eliminar
  4. Um dia, Fiona, um dia estarás lá tu! :)

    Tive pena de não te ter visto.

    Aquele público é maravilhoso! :)

    Beijinhos e força nos treinos :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também fiquei com pena de não ter avistado mais uma camisola dos 4 ao km. Mas os constrangimentos quanto ao regresso ao grupo a que pertencia falaram mais alto e não consegui ficar mais um pouco. Mas fiquei muito, muito feliz quando o bluesboy me disse "O João Lima conseguiu!" :) As vitórias dos outros são também as nossas vitórias e sabe muito bem ouvir que os objectivos vão sendo alcançados, parabéns! :)

      Agora fico à espera da minha vez ;) Beijinhos

      Eliminar
  5. Bonito post Fiona...gostei muito. Nunca fui assistir a uma Maratona (já fui a outras prova menores) mas consigo imaginar o que descreves, e sim os espanhóis são efetivamente fantásticos no apoio (até na do Porto são eles que fazem a maior parte da festa). Já fiz Madrid e senti isso....mas os franceses não ficam nada atrás, então na Maratona de Paris é uma loucura total. Não falta muito para embarcares tu numa Maratona, agora da perspectiva de corredora...agora que fostes "beber" a última motivação que te faltava :)
    Força nisso!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada, Carlos. É realmente apaixonante assistir a todo este apoio e ver o esforço de tantos treinos compensado para os corredores. É verdadeira emocionante e não deixa ninguém indiferente. Ficou mais do que claro que o meu desejo para esta mítica distância está a crescer e espero ansiosamente por concretizar a minha estreia! :)

      Eliminar
  6. Olá Fiona!
    Desculpa só agora comentar.
    Ficámos muito contentes ao ouvir uma voz Portuguesa a apoiar na entrada para o estádio, ainda mais sendo uma pessoa conhecida dos blogues. Muito obrigado pela força.
    Para a próxima, seremos nós a apoiar-te na tua maratona :)

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Soube muito bem estar do lado de fora a apoiar todos os portugueses que entraram nesta aventura que é a Maratona de Sevilha! Obrigada pelas tuas palavras e terei todo o gosto em ter-vos a apoiar-me na minha estreia na mítica distância! Beijinhos

      Eliminar